Gamefication: descubra como adaptar ao seu negócio - Hositec

Gamefication: descubra como adaptar ao seu negócio

Gamefication: descubra como adaptar ao seu negócio

É provável que você já tenha ouvido falar em gamificação ou gamefication. Um termo muito utilizado para definir o uso de elementos de jogos em ambientes distintos, como é o caso do ambiente corporativo. Unindo recursos de tecnologia e a dinâmica de jogos, diversas empresas vêm incorporando esse conceito em suas estratégias, com o objetivo de aumentar o engajamento da equipe, ganhar vantagem competitiva, acelerar o processo de aprendizado, fidelizar clientes e atingir as metas.

O que define o sucesso da gamificação corporativa é entender a qual público o game se destina, para que toda a comunicação seja compreensível e efetiva, a fim de atender as expectativas de todos os envolvidos e gerar engajamento. Para isso, jogos motivacionais para empresas devem seguir alguns critérios, tais como: personalização, objetivos claros  e recompensa. O jogo deve ser personalizado, de acordo com a realidade do negócio, deve apresentar objetivos claros para os jogadores e oferecer uma recompensa que seja vantajosa para todos os envolvidos.

Como utilizar gamification para engajar o time de vendas?

A gamificação em vendas é bastante eficaz, pois é uma excelente ação motivacional para manter o foco do time. Quem trabalha com vendas precisa estar engajado e entusiasmado com o produto que está vendendo. Dessa forma,  investir em jogos motivacionais é uma excelente estratégia, pois eles favorecem um ambiente mais competitivo, estimulam a evolução da equipe e melhoraram o clima organizacional.

Para trazer a gamificação para dentro da empresa é preciso seguir os seguintes passos:

Meta:

Antes de iniciar uma estratégia de gamificação. É preciso estipular as metas, ou seja, o resultado que os jogadores precisam alcançar para conquistar a recompensa. O objetivo deve estar bem claro para que não haja confusão entre os envolvidos. Nesse momento, é preciso entender quais as metas da organização e quais indicadores precisam ser melhorados e, assim, adaptar o jogo a esse objetivo.

Regras:

As regras do jogo devem ser bem planejadas, pois elas definem quais as limitações para o jogador atingir a meta. As regras não podem deixar o objetivo inalcançável e, ao mesmo tempo, não deve facilitar demais o alcance da meta.

Feedback:

Durante todo o processo do jogo é necessária uma comunicação instantânea e efetiva. Os jogadores precisam acompanhar o seu desempenho no jogo. Essas informações o impulsionam a buscar resultados melhores. A comunicação do desempenho da equipe estimula a competição saudável e favorece o engajamento da equipe em todo o processo do jogo. A comunicação pode ser representada por placares, evolução de níveis, medalhas, barras de progresso e etc. Quanto mais lúdico, melhor!

Engajamento:

De nada adianta criar um jogo inovador e complexo, sem o engajamento dos jogadores. Dessa forma, toda a estratégia, incluindo metas, regras e sistema de feedback, devem levar em consideração o público para o qual será destinado.

Uma estratégia de gamefication, quando bem elaborada e implantada,  pode ser uma excelente ferramenta para impulsionar as vendas, melhorar o relacionamento dos funcionários e alcançar os objetivos do negócio. A equipe Hositec está preparada a criação de softwares, aplicativos e banco de dados para auxiliar sua estratégia de gamificação. Converse com um de nossos especialistas!

Compartilhar esta postagem